2018-06-18

Portugal no Top 10 do KidsRights Index 2018

Portugal no Top 10 do KidsRights Index 2018

Portugal surge no terceiro lugar do Top 10 do KidsRights Index 2018 num total de 182 países do mundo que disponibilizaram os seus dados para o ranking mundial publicado pela Fundação KidsRights, em cooperação com a Universidade Erasmus de Roterdão.

Este ranking mundial anual, o único existente nesta matéria, é organizado com base em indicadores que revelam como é que cada país aderiu e se preparou em cada ano para melhorar os direitos das crianças, nomeadamente tendo como referencial a Convenção dos Direitos da Criança (CDC) das Nações Unidas.

Em 2018 este ranking pode contar com mais 17 países a disponibilizar os seus indicadores para este índex, comparativamente com os que haviam já integrado o mesmo índex referente ao ano anterior.

Para efeitos deste ranking, os estados são avaliados com base em indicadores definidos na metodologia de base deste suporte de análise, medindo a performance por Estado, não em termos das suas contribuições absolutas para os direitos das crianças, mas sim em termos dos esforços relativos que em cada ano o Estado fez comparativamente com as suas capacidades socioeconómicas.

Assim, num total de 182 países, Portugal surge em 2018 como o terceiro a nível mundial que mais esforços desenvolveu, tendo em conta as suas capacidades sociais e económicas, para melhorar a promoção e proteção dos direitos das crianças.